Pular para o conteúdo

Caravana Pro Paz encerra ações no sul e sudeste do Pará com mais de 33 mil atendimentos

Foto: Rodolfo Oliveira/Agência Pará

Mais de 42,6 mil procedimentos realizados e 33,2 mil pessoas atendidas. Este é o saldo da Caravana Pro Paz Cidadania, que encerrou nesta quinta-feira, 1º, a etapa sul e sudeste de ações itinerantes. Dos 19 municípios percorridos, Marabá foi o último a receber os atendimentos, ofertados durante três dias na Escola Municipal José Vergolino. O mutirão garantiu, somente na cidade, a realização de mais de 5,4 mil procedimentos, entre os quais a expedição de 1.500 RGs, 1.300 fotos 3×4, 964 CPFs, 865 carteiras de trabalho e 439 certidões de nascimento, além de 353 atendimentos jurídicos.

Como aconteceu na maioria dos municípios por onde a Caravana passou, a carteira de identidade foi o documento que teve maior demanda por emissão em Marabá, tanto por parte dos mais jovens até os mais idosos, como é o caso da aposentada Jovenice Silva, de 75 anos. Ela havia perdido todos os documentos há cerca de um ano e, desde então, tinha uma preocupação constante por essa situação. “Em outros locais é muito difícil da gente conseguir resolver isso, mas, aqui, graças a Deus, foi fácil. Tirei a minha identidade e, depois, vou partir para os outros documentos”, contou.

A dona de casa Sebastiana Lima, de 65 anos, aproveitou a ocasião para atualizar a documentação. “Eu já estava tentando trocar a minha carteira de identidade há uns cinco anos, pois a anterior estava muito deteriorada, mas nunca deu certo. Aqui, felizmente, fui bem atendida e, por isso, agradeço ao Governo do Estado e a toda a equipe do Pro Paz”, frisou.

Já a estudante Isadora Rodrigues, de 18 anos, encontrou na Caravana a oportunidade que procurava. Com um emprego em vista, ela precisava apenas das carteiras de identidade e de trabalho para garantir a vaga. “Eu tentei tirar esses documentos pelo cartório, mas o meu atendimento foi marcado para daqui a dois meses. Como estou precisando com urgência, vim aqui e deu tudo certo, estou muito feliz”, comemorou.

O deputado estadual Tião Miranda foi conferir de perto o trabalho do mutirão e aproveitou para parabenizar o governo do Estado pela iniciativa. “A pessoa só existe se tiver documento e o que a gente precisa é que ações como essa aconteçam cada vez mais. Realmente foi um sucesso. Por isso, já estamos pedindo que a Caravana volte logo, pois Marabá é uma cidade com uma grande carência nessa área, até porque recebe uma grande quantidade de pessoas oriundas de outros locais”, observou.

O coordenador da ação, Vagno Silva, também ressaltou a importância do trabalho e agradeceu a todos os servidores do governo do Estado envolvidos na ação, que desde o mês de junho percorreu 19 municípios das regiões sul e sudeste, em quase 50 dias de jornada. “O saldo para nós foi extremamente positivo porque atingimos as nossas metas em todas as cidades por onde passamos. Aqui em Marabá não foi diferente e, com certeza, todos os 45 profissionais envolvidos na ação estão muito felizes por terem ajudado tantas pessoas a ter a sua cidadania reconhecida”, avaliou.

A Caravana Pro Paz Cidadania mobilizou servidores da Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas), Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), Polícia Civil e Defensoria Pública do Estado, que desde o dia 17 de junho vem percorrendo o sul e sudeste do Pará para garantir a emissão de documentos e atendimento jurídico gratuito à população mais carente.

Fonte: Agência Pará de Notícias

Compartilhe nossos artigos

Posts Relacionados

Comentários

Sem comentários.

Trackbacks

Sem trackbacks.